Sonhando...

 

Zilca P. Tricerri

 

 

 

 

Segui o destino, em direção aos meus

desejos, e acabei adormecendo nos braços da lua

Nessa letargia, ouço sons muito vagos e distantes

de melodias suaves, vindas do jardim do teu coração

 infiltrando-se no meu, que feliz, te abraça!

Sono tranqüilo num suave encontro entre

energias, que se expressam em ternuras de amor...

 

Doce viagem pelo infinito de nós dois, em plena

sintonia de um chegar juntos e nos acariciar com os

 mais sublimes sentimentos  sufocados pela distância

Estávamos a sós, sem pressa e horários  determinados

 

Recordo que  o sol despertou-me com seu calor...

Era o sinal, de que a viagem  havia terminado...

Passamos momentos de encantamento e o dia para

 mim foi  maravilhoso, pois à noite estivemos juntos

 no embalo da lua, saciando a nossa saudade!

 

 

Zilca P. Tricerri

Porto Alegre/RS

18/05/07