Um recado para o meu Herói!

Vitor Hugo P. Tricerri

 

Brincando de esconde-esconde? Então vamos lá!

Posso começar a contar? Não busco rimas, e deixo

a vida me levar!

Saiba que este garoto ainda faz planos, muitos,

para o plano de cá!

Meus filhos estão muito bem, te amam,

e acho que já posso te impressionar!

 

Por vê-los crescendo tão bem, neste plano,

 se pudesse, eu levitaria

Lembro de seus “super poderes” Pai!... ...

Será que já aprendeu a voar?!

Estou certo que ao te ver no ar, pelos netos,

aos anjos eu indagaria:

Me digam, com tamanho coração, que

Herói não poderia?

 

E se pela saudade, naturalmente alguma lágrima rolar,

“Meu Super Homem”, nunca fuja dessa emoção!

Em qualquer plano, por seres um doutor na arte de amar.

Essa lágrima refletirá a grande luz do teu coração.

 

 

 

 

Te Amo!

05/04/2007

Porto Alegre/RS

 

 

Art/By/Zilca