Quando Quiseres
 Fernando José Tricerri
 



Quando quiseres olha para mim...
Nem que seja só para me notar...
Estou em tua frente...
Bem em tua frente...

Se não me vires, mesmo assim...
Olha para mim...
Olha para mim...

Eu te tenho uma enorme afeição...
Mas meu silêncio se faz notar...
Fixa os teus olhos...
Nestes meus olhos...

Se não me vires, presta atenção...
Escuta meu coração...
Escuta meu coração...

Fernando José Tricerri
Porto Alegre/RS
011/2002